30 de Janeiro de 2012
Controlar muito a alimentação do bebê aumenta risco de obesidade

Veículo: 
O Tempo

Especialistas em nutrição - a maioria deles empenhados na luta contra a obesidade infantil - indicam que algumas das atitudes de adultos com relação à alimentação na infância precisam ser revistas. Segundo Elsie M. Taveras, pediatra da Faculdade de Medicina da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, há indícios científicos de que, quando os pais restringem muito a alimentação dos filhos, as crianças apresentam mais riscos de obesidade. "Quando controlamos demais, acabamos impedindo a criança de responder naturalmente a suas sensações de fome e saciedade", afirma a especialista. Ela explica que alguns gestos feitos pelos bebês, por exemplo, funcionam como indicações de saciedade. Nos Estados Unidos há, inclusive, grupos de pesquisa focados em ajudar os pais a reconhecerem sinais de fome nos bebês.

Tags:

Patrocínio
Publicações
O guia procura orientar os profissionais de comunicação para uma cobertura qualificada e contextualizada do tema oferecendo referências às políticas públicas, esclarecendo conceitos e sugerindo fontes.