15 de Fevereiro de 2012
Nasce primeiro bebê brasileiro selecionado geneticamente para curar a irmã

Veículo: 
A notícia foi publicada nos principais jornais do País

Nasceu no último sábado o primeiro bebê brasileiro selecionado geneticamente em laboratório de modo a não carregar genes doentes e ser totalmente compatível com a irmã – que sofre de talassemia major, uma doença rara do sangue que, se não for tratada corretamente, pode levar à morte. Maria Clara Reginato Cunha nasceu para ajudar na recuperação da irmã Maria Vitória, que tem 5 anos. A criança tem uma rotina de transfusões sanguíneas a cada três semanas e toma uma medicação diária para reduzir o ferro no organismo, desde os 5 meses. Nos pacientes com talassemia major, a medula óssea produz menos glóbulos vermelhos e, consequentemente, não consegue fabricar sangue na frequência necessária, podendo causar anemias graves. No Brasil, pouco mais de 700 pessoas têm a doença.

Tags:

Patrocínio
Publicações
Este guia integra uma série de publicações editadas pela ANDI – Comunicação e Direitos ao longo da última década, com o objetivo de contribuir para o aprimoramento da cobertura jornalística.