13 de Fevereiro de 2012
Timidez e rebeldia podem virar doença em manual psiquiátrico

Veículo: 
O Estado de S. Paulo

Milhões de pessoas saudáveis, incluindo crianças tímidas ou que têm comportamentos considerados rebeldes, além de adultos abatidos poderão ser erroneamente diagnosticadas como doentes mentais, de acordo com a nova edição do Manual de Diagnósticos e Estatísticas de Doenças Mentais. Na opinião de psicólogos e psiquiatras, as novas categorias de doenças mentais que serão incluídas no documento internacional são “absurdas, preocupantes e perigosas”. “Muitas pessoas tímidas, abatidas moralmente, com um comportamento extravagante poderão ser consideradas mentalmente doentes”, disse Peter Kinderman, chefe do Instituto de Psicologia da Universidade de Liverpool, na Inglaterra. Mais de 11 mil profissionais da saúde já assinaram uma petição pedindo que a revisão da quinta edição do manual seja suspensa e reavaliada.

Patrocínio
Publicações
Publicação mapeia os principais riscos a que estão expostos crianças e adolescentes nas cidades-sede do Mundial 2014 e apresenta as iniciativas desenvolvidas pela sociedade brasileira para garantir os direitos fundamentais desses grupos etários.