Arquivo: 
Download pdf (1.15 MB)
Realização: 

ANDI - Comunicação e Direitos em parceria com Plataforma por um Novo Marco Regulatório para as Organizações da Sociedade Civil

Análise de Mídia - A imprensa brasileira e as organizações da sociedade civil
Ano: 
2014

A imprensa tem desempenhado papel relevante nas sociedades contemporâneas, no que se refere ao fortalecimento da democracia, ao desenvolvimento das nações e à proteção dos direitos humanos – não apenas denunciando violações a tais direitos, como fortalecendo o debate público em torno das formas de defendê-los, garanti-los e promovê-los.

Entretanto, como ocorre em qualquer campo do conhecimento humano, sistema de poder ou esfera de ação, esse vasto e complexo “ecossistema” comunicacional convive com produções que não condizem com o desempenho geral do campo. Desempenho esse que faz da instituição imprensa uma das mais respeitadas nas sociedades democráticas – aí incluída a sociedade brasileira.

E esses contextos negativos não contribuem para o desenvolvimento humano, sendo imperioso superá-los. Para tanto, é importante que jornalistas e fontes de informação reflitam sistematicamente sobre suas práticas, lançando mão de mecanismos de monitoramento que permitam a autorregulação dessa esfera tão importante para o desenvolvimento das relações sociais.

É com esse propósito que a ANDI – Comunicação e Direitos e a Plataforma por um Novo Marco Regulatório para as Organizações da Sociedade Civil vêm construindo um conjunto de referências sobre as relações entre imprensa e Organizações da Sociedade Civil, como uma ampla análise de mídia sobre o tema, registrada na presente publicação, estruturada em parceria com a Fundação Avina e a Aliança Interage.

A análise de mídia revela as tendências da cobertura noticiosa do País sobre assuntos relacionados a essas organizações, apontando acertos e desafios a serem enfrentados, na perspectiva de aprimorar as narrativas jornalísticas sobre o assunto e contribuir para a consolidação e o fortalecimento deste setor determinante para o equacionamento das relações sociais.

Para ampliar a compreensão sobre os principais resultados dessa análise de mídia, foram aqui inseridas reflexões produzidas no âmbito do seminário Imprensae Organizações da Sociedade Civil, realizado em março deste ano em Brasília; dados de pesquisas sobre a atuação dessas entidades no contexto brasileiro; e trechos de entrevistas com lideranças sociais.

Um conjunto articulado de insumos que – espera-se – irá contribuir para aprofundar o debate público sobre esta importante estrutura do sistema democrático brasileiro.

Boa leitura!