14 de Dezembro de 2016
Publicação Empoderamento de Meninas será lançada em Brasília/DF nesta quinta-feira (15)

Na próxima quinta-feira (15/12), às 11h, será lançado o Caderno de Boas Práticas Empoderamento de Meninas - Como iniciativas brasileiras estão ajudando a garantir a igualdade de gênero pela Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente. A publicação foi elaborada pelo Instituto dos Direitos da Criança – INDICA no âmbito do projeto Ser Menina no Brasil contemporâneo e foi realizado em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) e a Plan Interntational Brasil. Na ocasião, acontece ainda um debate sobre o tema entre representantes do governo federal e instituições da sociedade civil.

O lançamento acontece no Edifício Parque Cidade Corporate e conta com a participação da secretária Nacional de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente, Claudia Vidigal; da secretária de Articulação Institucional e Ações Temáticas da Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres, Ericka Filippelli; da diretora Nacional da Plan International Brasil, Anette Trompeter; da diretora Executiva da Childhood Brasil, Ana Drummond; da representante Adjunta do UNICEF no Brasil, Esperanza Vive; da embaixadora dos Estados Unidos no Brasil, Liliana Ayalde, entre outras autoridades.

Hoje, 30 milhões de meninas de 0 a 18 anos no Brasil são afetadas pela desigualdade de gênero. De acordo com o Sistema de Informação de agravos e de Notificação do Ministério da Saúde (Sinan/MS) só em 2014, mais de 25 mil meninas foram vitimas de diversas formas de violência, como a doméstica e a sexual.

Estes são só alguns desafios enfrentados diariamente por meninas brasileiras. A publicação busca refletir sobre as dificuldades relacionadas às questões de gênero que afetam a vida dessas meninas, bem como apoiar e incentivar o empoderamento, que é o caminho para a superação de qualquer desigualdade.

Programação completa Mesa de Diálogo:

11h00 às 12h20 - Mesa de Diálogo

Composição

Cláudia Vidigal - Secretária Nacional de Promoção dos Direitos da Criança e do Adolescente

Flavia Piovesan – Secretária Especial de Direitos Humanos

Ericka Filippelli – Secretária de Articulação Institucional e Ações Temáticas da Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres 

Anette Trompeter – Diretora Nacional da Plan International Brasil

Ana Drummond – Diretora Executiva da Childhood Brasil

Esperanza Vives - Representante Adjunta do UNICEF no Brasil

Jimena Djauara Nunes - representante do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente – CONANDA

Liliana Ayalde - Embaixadora dos Estados Unidos no Brasil

12h20 às 12h40 - Lançamento da Rede de Promoção dos Direitos das Meninas e Igualdade de Gênero

Viviana Santiago – Gerente Técnica de Gênero da Plan International Brasil

Marianna Gomes Pereira – adolescente representante do FazProjeto realizado pela Visão Mundial

12h40 às 13h00 - Lançamento da Publicação “Empoderamento de meninas: como iniciativas brasileiras estão ajudando a garantir a igualdade de gênero”

Benedito dos Santos – Instituto INDICA  

 

Serviço:

O quê: Mesa de Diálogo e Lançamento do Caderno de Boas Práticas Empoderamento de Meninas

Quando: 15 de dezembro, às 11h.

Onde: Edifício Parque Cidade Corporate – Torre A, 8º andar – Auditório Ana Paula Crosara

 

Sobre a Plan International Brasil: A Plan International é uma organização não-governamental de origem inglesa ativa desde 1937 e presente em 71 países. No Brasil desde 1997, a organização possui hoje mais de 20 projetos, impactando aproximadamente 70 mil crianças e adolescentes. A Plan International Brasil parte do princípio de que assegurar o direito de crianças e adolescentes é um dever e não uma escolha. Em 2011, lançou a campanha mundial “Por Ser Menina”, com o objetivo de acabar com as raízes da discriminação contra meninas, exclusão e vulnerabilidade, por meio da educação e do desenvolvimento de habilidades. Como resultado dos esforços da Plan International, em 2012 a ONU instituiu o dia 11 de outubro o Dia Internacional da Menina.

Recentemente, a organização ampliou suas ações empreendidas com foco na garantia de direitos e pela redução das desigualdades de gênero ao lançar o #DesafiodaIgualdade. A campanha pretende abrir os olhos da sociedade brasileira para os pequenos hábitos que levam ao machismo institucional e faz parte do movimento “Por Ser Menina”, propondo uma reflexão sobre a educação que é dada às crianças, principalmente sob a ótica da igualdade de gênero e sugere uma série de ações que abordam a igualdade de gênero na educação de crianças.  Mais informações no site desafiodaigualdade.org

Para mais informações sobre a organização, acesse: www.plan.org.br

Mais informações para a imprensa com: 

Lead Comunicação – (11) 3168-1412 - www.lead.com.br

Hedy Boscolo – (11) 3046-2531 / 98593-7601 – hedy@lead.com.br

Luiz Soares – (11) 3046-2524/98752-4637 - luiz@lead.com.br

 

Patrocínio
Petrobras
Publicações
Publicação mapeia os principais riscos a que estão expostos crianças e adolescentes nas cidades-sede do Mundial 2014 e apresenta as iniciativas desenvolvidas pela sociedade brasileira para garantir os direitos fundamentais desses grupos etários.