28 de Setembro de 2018
UNICEF e Amil criam ‘Casinha Sabores’ para ensinar crianças a comer bem

Em um mundo repleto de doces, refrigerantes e alimentos ultra-processados, é essencial ensinar as crianças a comer bem. É esse o objetivo da “Casinha Sabores”, exposição criada pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) em parceria com a empresa de assistência médica Amil para mostrar a crianças e famílias, de maneira divertida e interativa, os riscos da má nutrição e a importância de se alimentar corretamente e cuidar da saúde.

A exposição vai até 17 de outubro e ocorre no Shopping Eldorado, zona oeste da capital paulista.

O evento é gratuito e está sendo organizado em três etapas. O passeio começa pela cozinha da casa, um ambiente colorido, repleto de doces, guloseimas e alimentos industrializados consumidos por crianças. O segundo cômodo é o quarto, em que são apresentadas as consequências de uma alimentação desregrada e com excesso de calorias na vida das crianças.

A última parte da visita é a sala. Nela, o público conhece dez passos para uma alimentação saudável e outras dicas para deixar o cardápio mais gostoso e nutritivo. No final da exposição, será possível testar na prática os conhecimentos adquiridos, por meio de um jogo virtual em que as crianças deverão montar seu próprio prato e saberão se fizeram escolhas saudáveis ou não.

A proposta da casinha é tratar, de forma lúdica, um tema que preocupa o país: a obesidade infantil. O Brasil enfrenta uma grande mudança de padrão de consumo de alimentos, comprometendo a situação nutricional da infância e adolescência e promovendo na vida adulta o aumento das doenças crônicas não transmissíveis, como hipertensão e diabetes.

Segundo dados do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional, do Ministério da Saúde, 10% das crianças brasileiras de 5 a 9 anos já estão acima do peso recomendado para a idade.

“Estamos diante de um quadro preocupante de mudança do perfil nutricional no Brasil. Com essa exposição, queremos chamar a atenção de famílias e crianças para os riscos do consumo de alimentos ultra-processados — ricos em açúcar, sódio, gordura e pobres em nutrientes — e conscientizá-las sobre a importância de consumir alimentos saudáveis. Dessa forma, contribuímos para efetivar o direito de cada criança a crescer com saúde”, explica Florence Bauer, representante do UNICEF no Brasil.

“Ações como esta são muito importantes para engajar a família na busca pela vida saudável. A obesidade infantil é uma realidade no nosso país, muitas vezes influenciada pelo próprio padrão alimentar dos responsáveis pelas crianças. E estimular o conhecimento da importância da alimentação equilibrada ainda na infância é uma forma de incentivar a construção de gerações mais saudáveis”, diz Odete Freitas, pediatra e diretora de sustentabilidade da Amil.

Como forma de contribuir com informação qualificada sobre a alimentação saudável na primeira infância, o UNICEF e a Amil lançaram, neste mês, a publicação “Os 10 passos para alimentação e hábitos saudáveis”. Voltada a famílias e profissionais de saúde, assistência social e educação, a publicação é focada nos dois primeiros anos de vida da criança e pode ser acessada na biblioteca virtual do UNICEF.

Serviço
O quê: Exposição Casinha Sabores:
Quando: de 27/9 a 17/10, de segunda a sábado, das 10h às 22h; domingos e feriados, das 14h às 20h
Onde: Shopping Eldorado – Av. Rebouças, 3.970, Pinheiros, São Paulo, SP
Mais informações: www.casinhasabores.com.br

 

 

Patrocínio
Petrobras
Publicações
O guia procura orientar os profissionais de comunicação para uma cobertura qualificada e contextualizada do tema oferecendo referências às políticas públicas, esclarecendo conceitos e sugerindo fontes.