29 de Fevereiro de 2012
CE: Relatório do UNICEF revela carência no atendimento infantil

Veículo: 
Diário do Nordeste

O relatório Situação Mundial da Infância 2012 do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), divulgado ontem (28), afirma que as cidades brasileiras não conseguem atender às necessidades de crianças e adolescentes. Na capital cearense, meninos e meninas são privados de acesso aos serviços básicos. A desigualdade é clara, fazendo com que crianças que vivem nas favelas sejam invisíveis ao poder público "Às vezes, nos deparamos com crianças de bairros periféricos que não estudam porque não têm acesso ao serviço", destaca a coordenadora do Unicef, Ana Márcia Diógenes. Embora tenha avançado no combate à mortalidade infantil e neonatal, ainda há muito a ser feito. Segundo a Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), o governo tem pensado em todas as áreas para o atendimento à infância.

Patrocínio
Publicações
Publicação mapeia os principais riscos a que estão expostos crianças e adolescentes nas cidades-sede do Mundial 2014 e apresenta as iniciativas desenvolvidas pela sociedade brasileira para garantir os direitos fundamentais desses grupos etários.