05 de Setembro de 2013
DF: Adolescentes terão a saúde mapeada

Veículo: 
Jornal de Brasília

Um mapeamento da saúde dos adolescentes do Distrito Federal começou a ser feito pela Universidade de Brasília (UnB). A pesquisa, intitulada Estudo de Riscos Cardiovasculares em Adolescentes (Erica), vem sendo realizada em todo o Brasil, pelo Ministério da Saúde em parceria com universidades e centros de pesquisa. A coleta de dados será feita diretamente nas escolas. Segundo a professora Kênia Mara Baiocchi de Carvalho, à frente da pesquisa na UnB, 2,7 mil alunos de 43 escolas do DF - 33 públicas e dez particulares - farão parte do estudo. "Teremos o mapeamento detalhado da alimentação, do peso, dos hábitos e das atividades dos adolescentes, dentre outros dados", informou. Ao todo, 129 turmas de estudantes entre 12 e 17 anos dos ensinos Fundamental e Médio do DF participarão da pesquisa, planejada para ser concluída em novembro. A coleta dos dados será feita com tecnologia semelhante à adotada pelo IBGE em suas pesquisas, utilizando aparelhos eletrônicos manipulados pelo próprio entrevistado.

Patrocínio
Publicações
Publicação mapeia os principais riscos a que estão expostos crianças e adolescentes nas cidades-sede do Mundial 2014 e apresenta as iniciativas desenvolvidas pela sociedade brasileira para garantir os direitos fundamentais desses grupos etários.