20 de Janeiro de 2012
SP: Estado vai contar intervalo de aula como atividade extraclasse de professor

Veículo: 
O Estado de S. Paulo

Para cumprir a Lei do Piso Nacional do Professor, o governo de São Paulo vai contar como período para atividades extraclasse um período que já faz parte do cotidiano docente e é utilizado como intervalo entre aulas. Além disso, a Secretaria Estadual de Educação vai diminuir uma aula dos professores para atingir o mínimo exigido de um terço do tempo fora da sala de aula. A medida cumpre determinação prevista na Lei Nacional do Piso, de 2008, que estabelece que 33% da jornada seja utilizado para a correção de provas e outras atividades. Para o presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), Roberto Leão, "é um absurdo trabalhar dessa forma". Leão afirma que a ideia do governo faz perder o caráter pedagógico da lei. 

Patrocínio
Publicações
Este guia integra uma série de publicações editadas pela ANDI – Comunicação e Direitos ao longo da última década, com o objetivo de contribuir para o aprimoramento da cobertura jornalística.