Mídia e Psicologia: produção de subjetividade e coletividade

(2009)

Autor(es):

Conselho Federal de Psicologia

Baixar PDF

(3,79 MB)

 

As propostas da Democratização das Comunicações, e a subseqüente reivindicação do Movimento social de univesalização dos meios, emergem em um momento de grande velocidade da produção de tecnologia, em que os laços sociais atravessam rapidamente novos fluxos, podendo alienar, capturar e isolar ou, em contraponto, formar redes de atuação e engajamento em causas coletivas.Trazer esta discussão para o campo da Psicologia é propor um cenário de pensamento que promova o entendimento do impacto que a convergência tecnológica traz ao nosso cotidiano, na ausência de um marco regulatório que crie parâmetros a este novo tempo, tendo como uma das graves conseqüências a continuada concentração de propriedade dos meios de comunicação.

Diante deste cenário, o Conselho Federal de Psicologia, junto ao Conselho Regional de Psicologia – 5ª Região (Rio de Janeiro) e com o apoio do Conselho Regional de Psicologia – 6ª Região (São Paulo), propuseram discutir em um grande evento as questões da Mídia e da Psicologia, que estão presentes neste documento.

 

 

 

palavras-chave