AM: Ano letivo começa com 27 mil alunos ‘de fora’ da sala de aula

Veículo: A Crítica - AM
Compartilhe

Com cinco creches próprias e três conveniadas para atender a demanda de crianças de zero a 3 anos, Manaus (AM) tem um déficit de 192 creches e mais de 27 mil crianças à espera de uma vaga para o ano letivo de 2014, que está prestes a começar. A Secretaria Municipal de Educação reconhece que o número de creches públicas é insuficiente e aponta que, para atender a necessidade da capital, é preciso construir, pelo menos, mais 192 unidades com 140 vagas, cada. O problema da falta de creches é antigo. Na gestão passada, o ex-prefeito Amazonino Mendes prometeu a construção de mil unidades, que resolveriam o problema, mas entregou apenas uma. A atual gestão prometeu, até o fim do mandato, a construção de 110 creches. Enquanto a prefeitura não apresenta uma solução para o problema, pais e mães continuam enfrentando filas para conseguir vagas no período de matrícula e, quando não conseguem, – a maioria dos casos -, precisam "apertar" o orçamento familiar e recorrer às escolas particulares.

Temas deste texto: