Crescem denúncias de violência sexual contra crianças e adolescentes

Veículo: Gazeta do Povo - PR
Compartilhe

Em virtude do 18 de Maio – Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, as instituições que tratam do assunto divulgaram aumento significativo de denúncias recebidas e de jovens atendidos em todo o País. De acordo com a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, o Disque Direitos Humanos (Disque 100) recebeu no primeiro quadrimestre deste ano 71% a mais de denúncias do que no mesmo período do ano passado. Este ano foram 34.138 denúncias de violência contra 24.120 em 2011. No Paraná, 1.464 denúncias foram registradas até abril de 2012, um aumento de 84% em relação a 2011. O combate à violência contra a criança e o adolescente é lembrado no dia 18 de maio, data em que, em 1983, a menina Araceli, oito anos, foi assassinada e violentada por jovens de classe média de Vitória/ES.

Imperatriz (MA) –Levantamento do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) de Imperatriz aponta o registro de 19 casos de exploração sexual de crianças e adolescentes no município nos primeiros três meses deste ano, o que representa 30.65% do total de casos registrados no ano passado.

Mossoró (RN) –Em 2011, o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica) registrou 68 casos de violência sexual, sendo que desse total, 62 estão relacionados à prática de abuso sexual, o que representa um crescimento de 81% em relação aos números contabilizados em 2010, quando 37 casos chegaram ao conhecimento do conselho.

Temas deste texto: