Deputado entra com pedido para levar Lei dos Castigos Corporais ao plenário

Veículo: Correio Braziliense - DF
Compartilhe

O deputado Jair Bolsonaro (PP/RJ) protocolou o pedido para que a Lei dos Castigos Corporais seja votada pelo plenário da Câmara. O projeto, que prevê punições a pais que aplicarem castigos corporais nos filhos, foi aprovado em dezembro do ano passado em uma comissão especial da Casa, e como tramitava em caráter conclusivo, deveria seguir direto para o Senado. No entanto, Bolsonaro conseguiu o apoio de outros 51 deputados contra a análise da proposta em caráter conclusivo. Segundo ele, o “assunto é polêmico” , e, portanto, precisa ser mais discutido e contar “efetivamente com a vontade da maior parte da população brasileira”. Se for aprovado pela maioria simples, o projeto da Lei passa por nova análise do plenário antes de seguir para o Senado.

Temas deste texto: