DF: Escolas públicas desestimulam alunos já no início do ano letivo

Veículo: Clica Brasília - DF
Compartilhe

Amanhã (14), primeiro dia do ano letivo na maioria das escolas públicas, muitos alunos não vão encontrar as salas de aula da forma como gostariam. Isso porque nem todas as unidades que precisavam de reparos foram contempladas. O Tribunal de Contas (TCDF) constatou, em fiscalização, que mais de 87,4% das instituições de ensino não têm estrutura física nem pedagógica compatível com as atividades. O motivo indicado pelo órgão se deve à insuficiência dos serviços de manutenção ofertados pelo governo. Para 2013, do total de 652 escolas, 568 precisariam ser reformadas. Porém, a Secretaria de Educação (SEDF) informou ter feito melhorias em 392 unidades. Segundo a pasta, foram investidos R$ 21 milhões na aquisição de 140 mil conjuntos escolares de mesas e carteiras para educadores e alunos.

Temas deste texto: