DF: Estudantes trocam armas de brinquedo por livros

Veículo: Jornal de Brasília Online - DF
Compartilhe

O projeto “Arma Não é Brinquedo” chega ao bairro do Itapoã, em Brasília (DF). Nesta terça-feira (21), os estudantes da Escola Classe nº 01 trocarão armas de brinquedo por livros que serão entregues pela equipe da Subsecretaria de Proteção às Vítimas de Violência (Pró-vítima), da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania. Os livros foram doados ao Pró-vítima pelo programa do Ministério de Desenvolvimento Agrário, Arca das Letras. O alvo são alunos do 1º ao 5º ano, entre 6 e 11 anos. O objetivo é incentivar um comportamento pacífico nas ações da sociedade, como a troca de brinquedos que estimulam a violência por livros. Desde o início do projeto, 700 armas de brinquedo foram recolhidas. A iniciativa também propõe construir, nas crianças e nos jovens, a identidade e a responsabilidade pela paz, dentro e fora da escola; valorizar, nas crianças, nos jovens e nos ambientes escolar e familiar a reflexão crítica e as atitudes positivas em relação ao desarmamento e demais temas ligados à busca por paz em sua cidade, no País e no mundo. A campanha Arma Não é Brinquedo foi lançada no dia 15 de abril de 2013, Dia do Desarmamento Infantil, no Teatro do Sesc Ceilândia.

Temas deste texto: