Epidemia intratável assola Índia

Veículo: Folha de S. Paulo - SP
Compartilhe

Uma epidemia que pode ter consequências globais assola a Índia, matando milhares de bebês que nascem com infecções bacterianas resistentes à maioria dos antibióticos conhecidos. Mais de 58 mil crianças morreram no ano passado. As infecções resistentes a bactérias já começaram a migrar da Índia para outros países. Pesquisadores encontraram em todo o mundo – incluindo França, Japão, Omã e Estados Unidos – "superbactérias" com um código genético identificado inicialmente na Índia -a NDM1 (ou "New Delhi metallo-beta lactamase 1"). As autoridades sanitárias vêm há anos avisando que o uso exagerado de antibióticos acabaria levando as bactérias a evoluir de maneira a inutilizar os medicamentos. Porém, a Índia e outros países em desenvolvimento não são os únicos culpados. O uso excessivo de antibióticos em criações de gado e de outros animais nos Estados Unidos levou à multiplicação de variedades resistentes, e pesquisas revelam que até metade dos antibióticos receitados nos EUA são desnecessários.

Temas deste texto: