MA: Professores farão greve, caso prefeitura não negocie reajuste salarial

Veículo: O Estado do Maranhão - MA
Compartilhe

O Sindicato dos Estabelecimentos Educacionais de Imperatriz (STEEI) deu um ultimato à Prefeitura: se o município não atender, ou ao menos tentar negociar a pauta de reajuste salarial, a categoria começará uma greve no dia 2 de abril. Além do reajuste de salário, os professores pleiteiam avanços no valor do tíquete-alimentação. O presidente do Steei, Willas de Moraes Nascimento, disse que, na pauta de reivindicações, enviada à Prefeitura pela entidade no dia 8 de fevereiro, a categoria reivindica reajuste salarial de 20%, tendo como base o valor aluno/ano pago pelo Governo Federal. "Enviamos a proposta, mas, até agora, a Prefeitura não nos deu retorno sobre o assunto. Por isso, nós fizemos a assembleia no dia 20 e a categoria aprovou o estado de greve", justificou a liderança.

Temas deste texto: