MG: Pais são obrigados a inscrever filhos na escola

Veículo: O Tempo - MG
Compartilhe

 

Um casal foi obrigado pela Justiça de Minas Gerais a matricular os dois filhos, de 13 e 15 anos, em escolas do ensino público ou privado. Os adolescentes não frequentavam escola regular, e os pais foram denunciados pelo Ministério Público por abandono intelectual dos filhos.Por opção da família, os filhos tinham acesso a uma modalidade alternativa de ensino, em casa. O juiz Marcos Flávio Lucas Padula, da Vara Cível da Infância e da Juventude de Belo Horizonte, determinou multa de três salários mínimos caso os pais, em 30 dias, não obedeçam à determinação.Na Justiça, os pais afirmaram que possuem prioridade sobre o Estado e a sociedade no oferecimento da educação escolar aos filhos. O juiz, entretanto, lembrou que, apesar de os pais deterem o poder familiar, não estão autorizados a privá-los do convívio social.

Temas deste texto: