O frágil coração dos jovens fumantes

Veículo: Correio Braziliense - DF
Compartilhe

No Dia Nacional de Combate ao Fumo o principal alerta é enviado aos adolescentes. Pesquisa apresentada nesta semana no Congresso 2012 da Sociedade Europeia de Cardiologia mostra que os jovens fumantes já apresentam paredes das artérias coronárias mais espessas mesmo quando o fumo é um hábito recente. O diagnóstico indica um desenvolvimento precoce da aterosclerose – doença crônica progressiva que pode ocasionar a obstrução de vasos sanguíneos e, consequente, a ocorrência de enfartes, derrames e insuficiência renal. Na pesquisa da instituição suíça Sapaldia, foram analisados 288 jovens com idade entre oito e 20 anos, sendo 53% do sexo feminino.

Temas deste texto: