OAB cobra que se investigue tortura de crianças na ditadura

Veículo: O Globo - RJ
Compartilhe

O presidente da Comissão Nacional de Direitos Humanos da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), Wadih Damous, cobrou que os atos de tortura envolvendo crianças durante a ditadura militar sejam investigados. “Aos poucos, vão se revelando novos fatos que mostram que as barbaridades cometidas à época da ditadura tiveram requintes de crueldade, cuja dimensão não se sabia ou se pensava. Estamos descobrindo que nem as crianças escaparam da sanha assassina dos torturadores”, avaliou Damous. De acordo com o advogado, indicado para presidir a Comissão Estadual da Verdade do Rio de Janeiro, ainda não instalada, o conhecimento sobre esses episódios é didático.

Temas deste texto: