Papa pede desculpas por padres pedófilos

Veículo: Diário de Pernambuco - PE
Compartilhe

Nunca antes um pontífice foi tão incisivo, transparente e franco em relação a um escândalo que abalou as estruturas milenares da Igreja Católica. Diante de integrantes da organização não-governamental Escritório Internacional da Infância Católica (Bice, pela sigla em inglês), o papa Francisco se desculpou pelos casos de pedofilia envolvendo sacerdotes. "Eu me sinto compelido a assumir, pessoalmente, todo o mal que alguns padres – muito poucos, em número, não comparados ao número de todos os padres… A pessoalmente pedir perdão pelo dano que eles cometeram, por terem abusado sexualmente de crianças", declarou o argentino. Segundo Francisco, a Igreja está ciente dos prejuízos causados às vítimas. "É um dano pessoal e moral, realizado por homens da Igreja. Nós não daremos um passo atrás em relação ao modo como lidaremos com o problema, e sanções devem ser impostas. Pelo contrário, nós temos de ser ainda mais fortes. Pois não se pode interferir com as crianças", acrescentou.

Temas deste texto: