PB: Trabalho infantil aumenta

Veículo: Jornal da Paraíba - PB
Compartilhe

Apesar de adotar medidas para combater o trabalho infantil, a Paraíba continua registrando aumento na quantidade de crianças e de pré-adolescentes que exercem alguma atividade remunerada no estado. Entre 2009 e 2011, o número de pessoas que tinham entre 5 e 14 anos e que já estavam trabalhando saltou de 21 mil para 27 mil. No mesmo período houve uma queda de 8,7% no total de matriculados no ensino fundamental da rede de ensino da Paraíba. O montante de alunos caiu de 724 mil para 661 mil. De acordo com a Lei de Diretrizes Básicas (LDB), o ensino fundamental precisa ser cursado por alunos que tenham 14 anos de idade. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostras de Domicílios (Pnad), realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

 

 

Temas deste texto: