PR: Crianças planejam a Curitiba de 2024

Veículo: Em Tempo - AM
Compartilhe

Curitiba (PR) poderia ter menos poluição e carros nas ruas e voltar a ser referência em mobilidade urbana em 2014, projeta Matheus Eduardo Barbosa Ferreira. Já para Gabriely Vitória de Alves Antunes, a capital paranaense  também poderia ter mais segurança, uma educação melhor e nenhuma pichação. Os desejos podem ser comuns a vários moradores da cidade, mas foram algumas das respostas dos dois alunos, de 9 anos, do Centro deEducação Integral (CEI) do Expedicionário, no Novo Mundo, quando questionados sobre como gostariam que Curitiba fosse daqui a dez anos. A escola é uma das que participa do projeto “Urbanista Mirim”, que envolve os alunos da rede municipal de ensino e suas famílias na discussão sobre urbanização e a cidade que se quer construir para o futuro no ano de revisão do Plano Diretor de Curitiba. “Não são só os adultos que precisam pensar a cidade para daqui a 50 anos. As crianças é que serão os adultos e precisam pensar no que querem para o bairro e para a cidade, porque isso pertence a elas”, argumenta a pedagoga do Ippuc Graciette Lyane Andrade. O projeto-piloto começou na Escola Municipal Papa João XXIII, em março, e está sendo expandido para todas as 184 escolas da rede.

Temas deste texto: