RJ: ONG protesta contra mortes de crianças por ações policiais em comunidades

Veículo: Correio Braziliense - DF
Compartilhe

A organização não governamental (ONG) Rio de Paz promove ato público hoje (03) na praia de Copacabana contra as mortes de pessoas inocentes, especialmente de crianças, em operações policiais nas favelas do Rio de Janeiro (RJ). Um lençol branco foi estendido na praia de Copacabana e sobre ele, colocados brinquedos doados por meninos e meninas de favelas e bairros de classe média da cidade. O protesto lembrará o nome de sete crianças vítimas da violência decorrente dos confrontos entre policiais e bandidos. O caso mais recente é o de Bruna, de 10 anos, que morreu há uma semana. ‘Não menos importante (do que o mensalão) é também chamar a atenção para esses crimes que tiram a vida de crianças e adolescentes em toda a cidade e em particular nas comunidades carentes", afirmou o presidente da Rio de Paz, Antônio Carlos Costa.

Temas deste texto: