RJ: Rede estadual gasta dois meses e meio com tarefas não educativas

Veículo: O Dia - RJ
Compartilhe

Estudantes de escolas estaduais do Rio de Janeiro desperdiçam um mês de ensino num ano letivo com indisciplina e falta de atenção. Somado ao tempo que os professores gastam com tarefas como apagar o quadro, fazer chamada, recolher deveres de casa ou saindo de sala, os alunos perdem o equivalente a dois meses e meio de aula. A pesquisa foi feita com alunos do 9º ano e do ensino médio. O alerta é resultado de uma pesquisa inédita financiada pelo Banco Mundial em 60 escolas da rede, para monitorar o tempo despendido em cada atividade. O estudo mostra que, nas piores escolas, os professores levam o dobro do tempo para fazer com que os alunos prestem atenção. As horas desperdiçadas com a administração da sala de aula estão longe do ideal recomendado pelo Banco Mundial, que é de 15%.

Temas deste texto: