A cada ano mais de 1,1 mil crianças são vítimas de afogamento

Veículo: A Crítica Online - MS
Compartilhe

Todos os anos no Brasil, mais de 1,1 mil crianças morrem vítimas de afogamentos. Em 2011, segundo informações do Datasus, banco de dados do Sistema Único de Saúde (SUS), 1.115 crianças de 0 a 14 anos morreram e 293 foram hospitalizadas. Sendo que a maior incidência de mortes foi entre crianças de 1 e 4 anos com 422 casos, representando 37% do total, e em segundo lugar, as crianças de 10 a 14 anos, que representaram 36% dos casos, 407 registros. Esses afogamentos acontecem principalmente em águas naturais e abertas, com 424 mortes (38%). A região mais afetada foi a Nordeste, com 397 fatalidades (35%). Na região Sudeste, foram 297 mortes (26,6%), no Norte 200 (17,9%), no Sul 122 (10,9%) e no Centro-Oeste 99 (8,9%). Porém, ao analisar as regiões do Brasil por taxa, a região Norte foi a mais afetada com quatro mortes a cada 100 mil habitantes. Os estados mais afetados por número absoluto foram São Paulo, com 132 mortes (11,8%), Bahia 105 (9,4%), Minas Gerais 91 (8%). Analisando por taxa, a Bahia foi o estado mais afetado, com três mortes a cada 100 mil habitantes.

Temas deste texto: