Cresce o número de crianças diagnosticadas com obesidade no País

Veículo: A notícia foi publicada nos principais jornais do País - BR
Compartilhe

Números divulgados ontem (25) pela Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM), com base em dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revelam um aumento no número de crianças com sobrepeso e obesidade no País, principalmente na faixa de 5 a 9 anos. O sobrepeso atinge 34,8% dos meninos e 32% das meninas nessa faixa. A obesidade foi constatada entre 16,6% dos garotos e 11,8% das garotas. A presidente do Departamento de Obesidade da SBEM, Rosana Radominski, explica que “começou-se a aumentar a renda das famílias, mas não a educação familiar para que a alimentação fosse corrigida”. Entre as crianças a partir de 10 anos e jovens de até 19 anos, o excesso de peso atinge 21,7% dos meninos e a obesidade, 5,9%. Entre as meninas, 15,4% têm sobrepeso, e 4,2% obesidade. Os dados são de 2010.

Temas deste texto: