DF: Babá ao estilo americano

Veículo: Correio Braziliense - DF
Compartilhe

Quem tem filho sabe. Qualquer imprevisto na agenda é um sufoco. Se os pais não têm família na cidade para deixar a criança em caso de emergência, entram em pânico. E, às vezes, a situação nem é grave, mas não menos importante: um jantar a dois, uma festa ou, simplesmente, uma merecida noite de sono depois de meses acordando de hora em hora. Em momentos como esses, saber a quem recorrer é um alívio. Um serviço comum nos Estados Unidos e em países da Europa toma fôlego também no Distrito Federal: o de babysitter. São profissionais contratadas por uma noite, um dia, ou um fim de semana. E ainda tem os day cares, empresas com toda a estrutura de uma escolinha, que entregam as crianças alimentadas e de banho tomado no fim do dia. As características das profissionais dependem da necessidade de cada família. Durante a Copa do Mundo, por exemplo, a contratação de babysitters bilíngues aumentou. Na hora de contratar, a exigência principal dos pais é a segurança.

 

[Correio Braziliense (DF),  -06/08/2014]

Temas deste texto: