DF: Governo do Distrito Federal suspende mudanças projetadas para escolas

Veículo: Correio Braziliense - DF
Compartilhe

A rede pública de ensino do Distrito Federal dá início ao ano letivo, hoje, sem as mudanças anunciadas pelo governo em janeiro. O governador Agnelo Queiroz já comunicou a interlocutores o adiamento da adoção do sistema de ciclos na educação básica e da semestralidade no ensino médio. Até amanhã, o chefe do Executivo anunciará a suspensão das alterações. A tendência é que elas fiquem para o currículo escolar de 2014. Várias entidades representativas manifestaram-se contrárias à proposta do governo. Os professores reclamam da falta de conhecimento dos detalhes da medida e da ausência de debate com a categoria. O Conselho de Educação do DF rejeitou a ideia, alegando pressa do GDF em aplicá-la. Os conselheiros avaliaram que a proposta não é ruim por si só, mas precisa ser amadurecida e debatida com calma.

Temas deste texto: