DF: MP pode anular eleição para conselheiros tutelares

Veículo: Correio Braziliense - DF
Compartilhe

A eleição para os conselhos tutelares do Distrito Federal, ocorrida ontem (16), foi tumultuada. Em alguns locais, os tablets usados como urnas de votação deixaram de funcionar, o que causou fila em muitas escolas. As pessoas que foram às seções eleitorais para escolher os nomes de 165 conselheiros também reclamaram que os números dos candidatos estavam incorretamente cadastrados nos aparelhos e votos foram atribuídos a outros concorrentes por engano. Integrantes do Ministério Público acompanharam o pleito identificando falhas e admitem impugnar a eleição. "Obviamente, um processo deste tamanho tem problemas localizados que foram resolvidos ao longo do dia. No geral, houve uma boa participação da comunidade", disse a secretária da Criança, Rejane Pitanga.

Temas deste texto: