Exigência em redação do Enem derruba nota

Veículo: O Estado de S. Paulo - SP
Compartilhe

Dados do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) de 2011 mostram que 37,4% dos candidatos conseguiram elaborar "apenas de forma precária" uma proposta de intervenção ao tema da redação. Além de demonstrar domínio da norma padrão da língua, entender a proposta e argumentar, o candidato precisa apresentar uma proposta de resolução ou conscientização do problema – que ainda respeite os direitos humanos. Essa competência, que vale um quinto da nota, tem jogado para baixo a média geral dos alunos. "É possível ver que as notas baixas nessa competência correspondem a redações nas quais os alunos elaboram respostas com intervenções precárias ou tangenciais ao tema, ou até redações nas quais os alunos não elaboram intervenção alguma", explica o economista Felipe Cocco, responsável pelo levantamento.

Temas deste texto: