Faltam laboratórios nas escolas do Paraná

Veículo: Gazeta do Povo - PR
Compartilhe

No último Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa) divulgado em 2013, o Brasil obteve o 59º lugar entre 65 países na avaliação da área de ciências. Mais da metade dos estudantes brasileiros alcançou apenas o nível 1 de desempenho no exame, o mais baixo, quando são capazes de aplicar o que sabem somente em poucas situações do dia a dia. Uma das possíveis explicações para o fraco desempenho dos estudantes é o baixo número de laboratórios de ciências nas escolas, o que prejudica o aprendizado. Na rede municipal de todo o Paraná, apenas 2% dos colégios têm o ambiente, segundo o Censo Escolar de 2013. Em Curitiba, 11 escolas municipais (3%) têm laboratórios. Na rede estadual, que atende do 6º ao 9º anos dos ensinos fundamental e médio, as escolas equipadas com laboratório representam 59% das 2.147 unidades do Paraná. Educadores consideram fundamentais as atividades experimentais para o aprendizado científico.

Temas deste texto: