MA: Literatura e teatro despertam público infanto-juvenil no Geia

Veículo: O Estado do Maranhão - MA
Compartilhe

O segundo dia da programação do Festival Geia de Literatura, que neste ano está na sua décima edição, foi toda dirigida nesta quinta-feira (28) para o público infanto-juvenil, que assiste a palestras, apresentações teatrais, participa de oficinas, gincanas, rodas de leituras e outras atividades. No Liceu Ribamarense I, uma palestra com autores mirins atraiu a atenção dos estudantes, que se manifestaram em escrever os seus próprios livros. O evento será encerrado nesta sexta-feira (29). Aos 10 anos, Laryssa dos Santos Cutrim já é autora de seu primeiro livro. Estudante do 5º ano no Colégio Nossa Senhora da Conceição, ela escreveu seu primeiro cordel no ano passado, com o título O meio ambiente, inspirada pela escritora ribamarense Raimunda Frazão. "Foi a escola que propôs que a gente fizesse um cordel e eu escolhi esse tema porque é uma riqueza que Deus nos deu, mas que a gente não cuida como deveria. Por isso, quis chamar a atenção das pessoas para isso", disse, durante a palestra Conversando com autores mirins, realizada na manhã desta quinta no Liceu Ribamarense I.

Temas deste texto: