MT: Alunos se arriscam em ponte para estudar

Veículo: A Gazeta - MT
Compartilhe

Crianças da comunidade rural do Bandeira, localizada em Cuiabá (MT), ficaram 20 dias sem ir à escola e, atualmente, precisam fazer baldeação para atravessar uma das 3 pontes que estão danificadas no percurso do transporte escolar. Eles estão matriculados na Escola Municipal Rural Udiney Gonçalves Amorim, que fica no distrito de Iguaçu, e a coordenação da unidade afirma que não tem condições de oferecer aulas de reposição porque não há como transportar os alunos no final de semana, quando há disponibilidade de horário. Os problemas da estrada são recorrentes todos os anos, no período de chuvas, e afetam todos os serviços públicos, entre eles o de saúde, uma vez que não é possível contratar profissionais devido à distância e à falta de trafegabilidade da estrada.

Temas deste texto: