No Brasil, uma criança com menos de 5 anos morre de Covid a cada 2 dias

Veículo: Yahoo Notícias
Compartilhe

Dados levantados pelo grupo Observa Infância, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), mostram que, em média, uma criança com menos de 5 anos morre de Covid-19 a cada dois dias no Brasil. A pesquisa foi feita a pedido do g1.

De 4 de setembro a 1° de outubro, 437 crianças foram hospitalizadas por complicações do vírus no país, sendo que foram registradas 17 mortes entre menores de 5 anos no período.

Entre janeiro e o dia 3 de setembro, a proporção de crianças internadas por complicações de Covid-19 era, em média, de 6,3%.

A pesquisa mostra que a curva de hospitalizações e de mortes pelo vírus vem diminuindo em todas as faixas etárias desde junho, mas entre crianças com menos de 5 anos é mais demorada.

“Essas crianças continuam muito vulneráveis porque o vírus continua circulando. A vacina impede a manifestação das formas graves e boa parte dos óbitos, mas, ainda assim, o vírus circula. E a criança não vacinada tem sido, sim, impactada”, afirmou o pesquisador e coordenador do grupo, Cristiano Boccolini.

Uma parcela de crianças, que têm entre 6 meses e 2 anos e 11 meses, continua sem vacina contra a Covid-19, disponível em postos de saúde do Brasil.

Atualmente, o país oferece doses da Coronavac para crianças com mais de 3 anos e da Pfizer para aquelas que têm entre 5 e 11 anos.

Um mês depois da aprovação da Anvisa, o governo federal ainda não deu prazo para a chegada das doses e para o começo da vacinação com Pfizer em crianças de 6 meses a 4 anos.

 

Temas deste texto: