Número de bebês com HIV na América Latina caiu 78% em 12 anos

Veículo: Gazeta do Povo - PR
Compartilhe

A quantidade total de bebês nascidos com o vírus da Aids na América Latina e no Caribe reduziu 78% entre 2001 e 2013, conforme um relatório divulgado ontem pela Organização Pan-Americana da Saúde (OPS) e pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef). O estudo estima que 10,7 mil crianças nasceram com o HIV na região em 2001. Em 2013, esse número caiu para 2,3 mil, o que representa 5% de todos os recém-nascidos na região filhos de mães portadoras do vírus. Segundo a OPS, os países da América Latina e o Caribe fixaram como meta reduzir essa porcentagem de 5% para menos de 2% em 2015.

Temas deste texto: