PE: A opção de educar os filhos em casa

Veículo: Diário de Pernambuco - PE
Compartilhe

Nada de professores, tarefas de casa ou horários pré-definidos. Para o casal Biahnca Sheyla, 35, e Lamartiny Sales, 29, o lugar ideal para os filhos com até 4 anos de idade é em casa, brincando, e não na escola. Para proporcionar às crianças o que acreditam ser mais saudável para o desenvolvimento delas, eles abriram mão de um padrão de vida mais alto. Biahnca deixou o emprego como psicóloga para acompanhá-las no dia a dia. A decisão do casal vai na contramão da maioria das famílias que, por necessidade ou convicção, matricula os filhos cada vez mais cedo. No Brasil, a legislação determina a obrigatoriedade do ensino a partir dos quatro anos, sob pena de detenção e multa aos pais. Mas, afinal, qual é o momento ideal para introduzir os pequenos na rotina escolar sem precipitar ou retardar seu desenvolvimento emocional e cognitivo? A confiança de que as experiências da infância são determinantes para a vida inteira motivou Biahnca e Lamartiny a investirem numa rotina de idas ao parque e brincadeiras em casa até os 4 anos do primogênito Caio, hoje com 5 anos.

Temas deste texto: