PE: Recife monitora escolas por região

Veículo: Diário de Pernambuco - PE
Compartilhe

A frequência dos estudantes e professores, as médias escolares e a infraestrutura das escolas do Recife (PE) estão sendo acompanhadas mais de perto. O monitoramento da educação nas unidades da rede municipal de ensino foi regionalizado. A capital pernambucana é a primeira cidade do País a firmar parceria com o Instituto Ayrton Senna (IAS) para instalar Gerências Regionais de Monitoramento da Educação. O convênio foi assinado nesta terça-feira (15) pelo prefeito Geraldo Julio e a presidente do IAS, Viviane Senna. Foram criados quatro escritórios para acompanhar o cumprimento dos conteúdos, médias escolares, uso de instrumentos de avaliação externa e outros pontos que vão compor o Pacto Pela Educação municipal, que começará a ser elaborado em agosto. O novo modelo, pelo qual 40 técnicos farão visitas às escolas, funciona de forma experimental há 15 dias. Um comitê com representantes do IAS e da Secretaria de Educação vai monitorar os resultados. Entre as metas da PCR, que devem ser cumpridas até 2016, estão universalizar o acesso à educação infantil para as crianças de quatro e cinco anos, alfabetizar todos os estudantes até o 3º ano (antiga 2ª série); ampliar o número de creches e colocar 95% dos estudantes do ensino fundamental na série correta.

Temas deste texto: