PR: Calma quer viabilizar amamentação em CMEIS

Veículo: Folha de Londrina - PR
Compartilhe

O Comitê Municipal de Aleitamento Materno (Calma), de Londrina, busca alternativas para que as mães não deixem de amamentar os filhos quando eles passam a frequentar os centros de educação infantil. O assunto foi discutido entre profissionais da Saúde e da Educação que se uniram para elaborar um projeto de capacitação profissional. A coordenadora do comitê, Lilian Poli de Castro, explicou que a proposta deve ser finalizada em breve. Serão elaboradas oficinas para que os educadores se mobilizem e incentivem as mães a prolongar a amamentação. "Queremos sensibilizar os profissionais e ajudá-los a encontrar a melhor forma para beneficiar as crianças", declarou. O objetivo é iniciar os trabalhos já no segundo semestre com a capacitação de diretores, professores e funcionários. Nem todas as creches serão beneficiadas neste primeiro momento. A escolha dos locais será definida nos próximos encontros. "O que ficou decidido é que vamos começar as atividades nos centros de educação infantil administrados pelo município que atendam crianças com até um ano", afirmou Lilian. O município também fornece eletrodomésticos, como geladeira e freezer, para o armazenamento do leite materno em cada unidade. No entanto, ainda é preciso orientar as mães sobre a forma correta de retirar e armazenar o produto.

Temas deste texto: