Pronatec tem nova “versão” mais ligada às empresas

Veículo: Valor Econômico - BR
Compartilhe

O Pronatec Brasil Maior, programa que vai oferecer, em uma primeira fase, 118 mil vagas em cursos de qualificação diretamente ligados à demanda das empresas, será lançado hoje em Brasília. O programa é resultado de parceria entre o Ministério da Educação (MEC) e o Sistema S (Sesi, Sesc, Senai) e os cursos estão inseridos no Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). A diferença é que as vagas abertas atendem a necessidades específicas de mão de obra que foram definidas pelas empresas. Com oito meses de gestação, o novo programa usou metodologia diferente da usada pelo Pronatec para mapear os cursos que a indústria nacional demanda, e em quais municípios se encontram as vagas que precisam de maior qualificação do que a atual. O levantamento foi feito a partir das entidades empresariais de 11 setores. Com base nos dados coletados, o mapeamento das vagas foi coordenado pelo Ministério do Desenvolvimento.

Temas deste texto: