Redação do Enem com hino do Palmeiras recebe nota 5

Veículo: Folha de S. Paulo - SP
Compartilhe

Num universo de 4 milhões de redações do último Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), cerca de 300 textos apresentaram alguma "inserção indevida": trechos aleatórios ou desconexos com o tema, que era o movimento imigratório para o Brasil no século 21. Fugir ao tema, no entanto, foi relativizado por quem corrigiu as redações do exame. Para o Inep, órgão do Ministério da Educação responsável pelo Enem, a irreverência de um aluno que citou trecho do hino do Palmeiras na redação, por exemplo, não foi motivo para anulá-la. O palmeirense recebeu nota 500, a nota máxima é 1.000, o que equivale a uma nota 5 numa escala de 0 a 10. "Retirando-se do texto os trechos do hino transcrito pelo participante, ainda restaram ideias e argumentos aproveitáveis ao desenvolvimento do tema", diz parecer técnico que justifica a nota.

Temas deste texto: