RJ: Projeto de reforço escolar faz de jovens da Rocinha alunos nota dez

Veículo: O Globo - RJ
Compartilhe

A iniciativa de um engenheiro aposentado vem fazendo a diferença para um grupo de crianças da Rocinha, no Rio de Janeiro (RJ). Ex-professor da Fundação Getulio Vargas e do Instituto de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Antônio Bogado, de 68 anos, fundou há quatro anos a Fibra, uma associação que oferece aulas de reforço escolar para alunos do segundo ciclo do ensino fundamental – do 6º ao 9º ano. O projeto, que funciona em salas alugadas da Paróquia Nossa Senhora da Boa Viagem, na Estrada da Gávea, tem hoje 30 alunos, todos da comunidade e bolsistas do Colégio Teresiano, uma instituição particular de classe média alta na Gávea. Bogado já planeja aumentar o número de vagas para 50 no ano que vem e dar oportunidade também a alunos da rede municipal.

Temas deste texto: