Vacinação nacional é antecipada

Veículo: Correio Braziliense - DF
Compartilhe

A campanha de vacinação contra paralisia infantil e sarampo será de 8 a 28 de novembro. A iniciativa do Ministério da Saúde (MS) era para ocorrer somente em 2016, mas casos no exterior fizeram com que fosse antecipada. "Como temos 150 mil (casos) no mundo, isso serve de alerta. O Brasil está se antecipando e fazendo a campanha de segmento para aumentar a nossa proteção", afirmou o secretário de Vigilância Sanitária do Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa. Segundo o Ministério, 10 países registraram casos de poliomielite em 2013 e, em 2014, 157 nações registraram 154.637 casos de sarampo. As campanhas de segmento contra o sarampo, como é chamada esta de novembro, ocorreria de cinco em cinco anos, sendo que a última foi em 2011. Mais de 100 mil postos de saúde do país vacinarão crianças de 6 meses até 5 anos contra poliomielite, responsável pela paralisia infantil, entre 8 e 28 de novembro. No Distrito Federal, o objetivo é chegar a 160 mil crianças vacinadas–o ministério vai oferecer 192 mil doses para a capital. A campanha de imunização foi divulgada nesta quinta-feira (30) pelo MS. No mesmo momento em que for vacinada contra a poliomielite, a criança também receberá a vacina tríplice viral, que protege contra o sarampo, a rubéola e a caxumba.

Temas deste texto: