Vitamina A forma sistema de defesa de fetos

Veículo: Correio Braziliense - DF
Compartilhe

A palavra vitamina vem do latim vita. Uma interpretação literal do termo sustenta que é impossível sobreviver sem esses compostos orgânicos. Estudo publicado na edição desta quinta-feira (20) da revista Nature indica que uma dessas substâncias essenciais, a vitamina A, é determinante para a saúde durante a vida infantil e adulta porque forma o sistema imunológico. Até então, acreditava-se que as defesas naturais do organismo eram resultado de programação independente, natural e inerente ao desenvolvimento fetal. Mas os pesquisadores da Faculdade de Medicina de Lisboa e do Centro Médico da VU University, na Holanda, demonstraram o contrário. Segundo eles, a vitamina A desencadeia a formação dos órgãos linfoides secundários. A falta dela gera estruturas mais frágeis e menores, o que compromete a filtragem da linfa e, com isso, a eliminação de vírus, bactérias ou resíduos celulares prejudiciais ao organismo. Segundo José Henrique Veiga Fernandes, pesquisador sênior do trabalho, a formação do sistema imunitário no feto está muito dependente de fatores ambientais.

Temas deste texto: